A hipótese de Federer virar treinador: «Tem de saber que para os mortais é muito difícil jogar ténis»

Por Pedro Gonçalo Pinto - Setembro 26, 2022

Muito se tem falado sobre qual pode ser o próximo capítulo na vida de Roger Federer? Uma das hipóteses mais comentadas é manter-se no ténis mas como treinador. Ora, Andy Murray Novak Djokovic deram a sua opinião em relação ao tema no rescaldo da Laver Cup.

“Acho que seria um desafio para ele treinar qualquer tenista porque teria de se meter na pele do jogador e saber que para os mortais é muito difícil jogar ténis, muito mais do que a sensação que dá para ele. Imagino que se algum dia treinar vai escolher jogadores com muito potencial e uma grande motivação para aprender. A verdade é que é fantástico ver como desfruta do ténis, a maneira como o interpreta. Ama este desporto”, atirou Murray.

Já Djokovic, que diz que quer seguir esse caminho um dia que se retire, foi mais taxativo. “Tem muito para oferecer. Se alguma vez considerar dedicar-se a ser treinador, acho que vai dar muitas coisas positivas e daria um crescimento enorme ao tenista com que trabalhar. Muita gente ainda acha, pelo seu estilo de jogo, que não precisa de esforço e que o talento é algo natural, mas sempre mostrou que teve de passar muito tempo a aperfeiçoar o seu ténis”, destacou.

Pedro Gonçalo Pinto
Comentador Sport TV e ligado ao Jornal Record. Ténis acima de tudo.