Aliassime com objetivo claro no Millennium Estoril Open: «Quero vencer o torneio»

Por Nuno Chaves - Abril 27, 2022
Foto: Millennium Estoril Open

Felix Auger-Aliassime, número nove mundial, chega ao Millennium Estoril Open com o estatuto de tenista mais cotado entre todos os presentes e, por isso, a ambição é clara.

Em declarações ao ATP, o jovem canadiano revelou que tem como grande objetivo conquistar o torneio português. “Enquanto primeiro cabeça-de-série, as minhas expetativas são estar na final e tentar vencer. Para o meu primeiro encontro tenho de estar preparado, mas garantidamente que as ambições são altas para esta semana”, revelou.

Aliassime aproveitou para fazer uma espécie de resumo do que tem sido o início do ano. “A temporada começa muito cedo, por isso, parece que estive na Austrália há já algum tempo, tenho boas memórias dessa altura. Toda a gente se lembra do Canadá a vencer a ATP Cup, foi um grande momento para nós, fiquei feliz por ter feito parte disso. Depois tive uma boa caminhada no Australian Open e venci o meu primeiro título (Roterdão). Os primeiros dois meses do ano foram muito bons”, disse o canadiano.

Ainda assim, o primeiro cabeça-de-série do Millennium Estoril Open só pensa em progredir. “Tento ser melhor jogador todas as semanas, aconteça o que aconteça o que acontecer. Estou otimista para o que há pela frente na temporada”.

E progredir na terra batida é, naturalmente, um dos objetivos de Aliassime. “O meu jogo é o mesmo em cada superfície. Tenho um bom serviço, tento ser agressivo, usar a direita o máximo que conseguir. Vimos isso no passado mas o ajustamento que eu tenho de ter na terra batida é ter um pouco mais de paciência. A bola vai sempre voltar e precisamos de bater três ou quatro vezes mais que no piso rápido. Tenho de mudar o pensamento para a terra batida”, reforçou.

“Não vejo nenhum motivo para não jogar bem em todas as superfícies. Depende de mim. Não cresci na terra mas desde adolescente que viajo muito e jogo em todo o mundo na terra batida. Mesmo quando jogava em Challengers era mais em terra batida. Espero que quando a minha carreira terminar possa ter vencido grandes torneios em todas as superfícies”, concluiu.

Felix Auger-Aliassime, recorde-se, tem estreia marcada para esta quinta-feira no Millennium Estoril Open.

Nuno Chaves
Jornalista na TVI; Licenciado em Ciências da Comunicação na UAL; Ténis sempre, mas sempre em primeiro lugar.