Déjà vu: Medvedev volta a (tentar) atravessar-se à frente do 21.º Grand Slam

Por José Morgado - Janeiro 28, 2022
med

Quatro meses e meio depois da final do US Open… a história repete-se. Daniil Medvedev, número dois do Mundo, volta a ser aquilo que separa um dos melhores jogadores de todos os tempos… do histórico recorde de 21 títulos de Grand Slam. Depois de ter impedido que tal acontecesse com Novak Djokovic, em Nova Iorque, o russo de 25 anos tentará agora travar Rafael Nadal, com Djokovic (e muito provavelmente Roger Federer…) bem atentos a verem pela televisão.

O russo foi o primeiro a lembra-se dessa situação logo na entrevista em court. “Vou defrontar um dos melhores de sempre novamente. Curiosamente vou defrontar um que está também a lutar pelo 21.º Grand Slam, acho que no US Open, o Rafa estava a ver pela televisão, não sei por quem é que estava a torcer mas acho que o Novak vai estar a ver esta final pela televisão”, disse logo após o final da partida, ainda em court, relembrando pela segunda vez o sérvio.

Medvedev e a final com Nadal: «Acho que o Djokovic vai estar a ver pela televisão…»

José Morgado
Jornalista do Jornal Record e Comentador Sport TV. Ténis 24/7.