Djokovic bate Ruud em Roma e está de volta à final de um Masters 1000

Por Pedro Gonçalo Pinto - Maio 14, 2022

Novak Djokovic continua a afinar a máquina e está cada vez melhor a caminho de Roland Garros. Com uma exibição agressiva para dar conta de Casper Ruud, o número um do Mundo carimbou o passaporte rumo à final do Masters 1000 de Roma pela 12.ª vez na carreira — tem cinco títulos na Cidade Eterna –, sendo esta a primeira final de um torneio desta categoria desde Paris no ano passado.

Nole levou a melhor com os parciais 6-4 e 6-3, em 1h43, num encontro em que esteve sempre no controlo das operações. Basta ver que chegou rapidamente a uma vantagem de 4-0, antes de Ruud reagir para devolver um dos breaks de vantagem. Sem efeitos práticos, no entanto, até porque Djokovic se aguentou para selar a primeira partida e perdeu apenas quatro pontos no serviço no segundo parcial.

https:\/\/bolamarela.pt//bolamarela.pt//twitter.com/atptour/status/1525573665617719297

Foi, por isso, com naturalidade que assinou uma página bonita na carreira, ao conquistar a sua 1000.ª vitória, que lhe garante também a 55.ª final de um torneio do Masters 1000, alargando um recorde que já é seu para se afastar das 53 de Nadal. Para erguer o troféu terá de ultrapassar Stefanos Tsitsipas, na reedição da final de Roland Garros no ano passado.

Pedro Gonçalo Pinto
Comentador Sport TV e ligado ao Jornal Record. Ténis acima de tudo.