Djokovic já está em Israel e afasta preocupação quanto ao pulso direito

Por Pedro Gonçalo Pinto - Setembro 28, 2022

Novak Djokovic gerou preocupação no último dia da Laver Cup, com um problema no pulso direito a gerar logo dúvidas quanto ao que poderia acontecer ao calendário do sérvio. Já em Telavive, o número sete do ranking ATP, que vai disputar o ATP 250 israelita, garante que não há motivo para parar.

“Já treinei aqui durante praticamente duas horas e senti o pulso bem. Sinto-me bem, estou feliz de que a minha lesão tenha ficado para trás e espero que continue assim ao longo do torneio”, destacou o sérvio.

Djokovic explicou ainda o porquê de ter decidido jogar o torneio de Telavive. “Falhei alguns grandes torneios este ano por circunstâncias que não me permitiram viajar. Pensei sobre a minha rota. Ao não poder ir à América, falei com a minha equipa para ver que torneios podia juntar ao calendário. Comprometi-me a jogar a Laver Cup e queria ter três semanas seguidas a jogar. Telavive estava num lugar idóneo para mim e não vinha cá há muito tempo. Tive uma experiência fantástica e senti-me bem-vindo. Além disso, tenho colaborado com israelitas nos últimos anos, como o meu preparador físico e o meu manager, então quis vir”, revelou.

Pedro Gonçalo Pinto
Comentador Sport TV e ligado ao Jornal Record. Ténis acima de tudo.