Djokovic: «Não me atrevo a dizer que tinha ganho o Australian Open este ano mas…»

Por Pedro Gonçalo Pinto - Fevereiro 18, 2022

Novak Djokovic deu várias entrevistas importantes ao longo dos últimos dias e a verdade é que o sérvio não deixou nada por dizer. Falou da vacinação contra a Covid-19, de ter dado uma entrevista infetado, do que se passou na Austrália, entre tantos outros temas. Ora, um dos pontos importantes para o número um do Mundo é que espera ter a oportunidade de voltar a competir na Rod Laver Arena, onde já arrebatou nove títulos do Grand Slam.

“Vou sempre lembrar todas as coisas boas que já me aconteceram em Melbourne. Já tive muitos momentos profissionais e pessoais bons lá. Apesar do que acontece, tenho uma grande ligação à Austrália. Os resultados que tenho em Melbourne mostram como me sinto lá. Tudo o que aconteceu este ano foi totalmente inesperado. Vai ser difícil esquecer, mas quero voltar à Austrália no futuro e jogar na Rod Laver Arena outra vez”, afirmou.

Recorde-se que Djokovic pode ficar proibido de entrar na Austrália durante três anos, depois de ter perdido o visto, embora o Governo daquele país tenha aberto a porta para que essa decisão seja reconsiderada. Certo é que o sérvio foi questionado sobre se teria vencido esta edição do Australian Open e a verdade é que confessa que se sentia muito confiante.

“Nada na vida é garantido, mas tendo tudo em consideração, gostava das minhas hipóteses na Austrália este ano. Sinto que estou no meu quintal na Rod Laver Arena. Por respeito ao Rafael Nadal, que ganhou, e a todos os outros jogadores, não me atrevo a dizer que tinha ganho o Australian Open este ano mas… Tinha uma boa hipótese”, considerou.

Pedro Gonçalo Pinto
Comentador Sport TV e ligado ao Jornal Record. Ténis acima de tudo.