Em final de loucos, Zverev salva dois match points e conquista 11.º título da carreira em Genebra

Por José Morgado - Maio 25, 2019
Tennis – ATP 1000 – Monte Carlo Masters – Monte-Carlo Country Club, Roquebrune-Cap-Martin, France – April 18, 2019 Germany’s Alexander Zverev celebrates during his third round match against Italy’s Fabio Fognini REUTERS/Eric Gaillard – RC1EF4C99130

Alexander Zverev, número cinco mundial, conquistou este sábado o 11.º título da carreira, ao sagrar-se campeão do ATP 250 de Genebra, na Suíça. O alemão regressa aos títulos pela primeira vez desde as ATP Finals, em novembro de 2018, e coloca um ponto final na pior crise da sua carreira, que incluiu várias derrotas menos esperadas nos últimos torneios e uma queda acentuada no ranking.

Numa final de loucos, com duas paragens devido à chuva e várias alternâncias de ascendente, o alemão impôs-se ao chileno Nicolas Jarry, por 6-3, 3-6 e 7-6(8), em 2h35, sobrevivendo a um tiebreak onde teve três match points antes de ter de salvar dois e fechar à sua quarta oportunidade para negar a chance de um primeiro título ATP ao jovem chileno.

https:\/\/bolamarela.pt//bolamarela.pt//twitter.com/TennisTV/status/1132369685788413953

Este é o quinto título de Zverev em terra batida (tem seis em hard court) e o quinto ATP 250. Tem ainda um ATP 500, três Masters 1000 e, claro, as ATP Finals.

José Morgado
Jornalista do Jornal Record e Comentador Sport TV. Ténis 24/7.