Medvedev quis mudar: «Ia sair à noite e deitava-me às duas da manhã»

Por Tiago Ferraz - Julho 2, 2020
medvedev-ao

O tenista russo Daniil Medvedev deu uma entrevista exclusiva à Eurosport onde falou do que sentiu quando começou a ganhar visibilidade no circuito ATP e do que era antes de se focar totalmente no ténis.

“Há três anos, eu decidi que ia ser mais profissional quanto ao ténis. Claro que antes já o era, já estava dentro do top 100 e estava a treinar muito. Ainda assim fora dos courts, eu ia dormir muito tarde, ia sair e os pequenos detalhes não eram assim tão importantes para mim. Eu acho que isso não afetou assim tanto os meus resultados, mas talvez quando fiquei mais velho e já depois de falar muito com o meu treinador eu decidi que ia ser mais profissional e passei a sacrificar coisas de que eu gostava até aí: ir a um bar para uma noite com os amigos, ir para a cama às duas da manhã, o que não é ridículo e penso que muitas pessoas, na sua vida normal, o fazem. Ainda assim, eu decidi começar a deitar-me às 23 horas. Depois acordo e tomo pequeno-almoço”, salientou.

Daniil Medvedev prosseguiu e diz o que mudou na sua atitude quanto ao ténis:

“Eu tentava ser mais profissional em tudo. Eu trabalhei muito bem e, nesse sentido, não podia ter retrocessos se eu quisesse jogar ténis a um bom nível. Se eu não trabalhasse muito, talvez pudesse voltar à vida normal, mas eu não queria isso. Trabalhei muito e acho que a recompensa está a aparecer”, revela.

Recorde aqui algumas particularidades de Daniil Medvedev durante a fase de confinamento.

Tiago Ferraz
Jornalista de formação, apaixonado por literatura, viagens e desporto sem resistir ao jogo e universo dos courts. Iniciou a sua carreira profissional na agência Lusa com uma profícua passagem pela A BolaTV, tendo finalmente alcançado a cadeira que o realiza e entusiasma como redator no Bola Amarela desde abril de 2019. Os sonhos começam quando se agarram as oportunidades.