Medvedev regressa aos ‘oitavos’ de Wimbledon dois anos depois

Por José Morgado - Julho 8, 2023

Daniil Medvedev, número três do Mundo e uma das principais figuras da temporada — cinco títulos, dois dos quais Masters 1000 — parece interessado em voltar aos grandes resultados em torneios de Grand Slam e logo naquele onde historicamente tem tido menos sucesso. O russo de 27 anos qualificou-se este sábado para os oitavos-de-final de Wimbledon pela segunda vez na sua carreira, depois de ter atingido essa fase também em 2021, naquele que é já o seu melhor resultado em Majors da temporada.

Na terceira ronda, que se antevia complicada, Medvedev derrotou o húngaro Marton Fucsovics, número 67 do Mundo mas quartofinalista deste torneio em 2021, por 4-6, 6-3, 6-4 e 6-4, num encontro resolvido em três horas e que se disputou debaixo do teto amovível do Court 1 do All England Club.

Nos oitavos-de-final de segunda-feira, Medvedev espera pelo vencedor do encontro entre o número um checo Jiri Lehecka e o norte-americano Tommy Paul.

Apaixonei-me pelo ténis na épica final de Roland Garros 2001 entre Jennifer Capriati e a Kim Clijsters e nunca mais larguei uma modalidade que sempre me pareceu muito especial. O amor pelo jornalismo e pelo ténis foram crescendo lado a lado. Entrei para o Bola Amarela em 2008, ainda antes de ir para a faculdade, e o site nunca mais saiu da minha vida. Trabalhei no Record e desde 2018 pode também ouvir-me a comentar tudo sobre a bolinha amarela na Sport TV. Já tive a honra de fazer a cobertura 'in loco' de três dos quatro Grand Slams (só me falta a Austrália!), do ATP Masters 1000 de Madrid, das Davis Cup Finals, muitas eliminatórias portuguesas na competição e, claro, de 13 (!) edições do Estoril Open. Estou a ficar velho... Email: josemorgado@bolamarela.pt