Osaka nos quartos-de-final em Doha sem ter de jogar; Zheng e Vondrousova eliminadas

Por José Morgado - Fevereiro 14, 2024
osaka

Naomi Osaka, ex-número um do Mundo, vencedora de quatro títulos de Grand Slam e uma das principais porta-estandarte do ténis feminino nesta geração, confirmou esta quarta-feira o seu regresso aos quartos-de-final de um torneio, e logo no WTA 1000 de Doha, no Qatar, onde não competia há seis anos. A japonesa nem sequer teve de entrar em court para defrontar a ucraniana Lesia Tsurenko, que desistiu devido a uma inflamação no cotovelo apenas um dia depois de ter eliminado a tunisina Ons Jabeur na segunda ronda.

Pelo caminho nos oitavos-de-final de Doha ficaram duas top 10: a campeã de Wimbledon Marketa Vondrousova e a vice-campeã do Australian Open Zheng Qinwen, superadas por duas tenistas que também já fizeram finais de Grand Slam. Vondrousova, oitava do ranking WTA, perdeu com a russa Anastasia Pavlyuchenkova (finalista de Roland Garros em 2021 e 31.ª WTA), por 7-5 e 6-3, ao passo que Zheng, sétima do Mundo, cedeu exatamente pelos mesmos parciais, 7-5 e 6-3, diante da canadiana Leylah Fernandez (finalista do US Open 2021 e atual 36.ª WTA).

Fernandez aguarda por Elena Rybakina ou Emma Navarro nos ‘quartos’, ao passo que Pavlyuchenkova já tem adversária e será a norte-americana Danielle Collins.

  • Categorias:
  • WTA
Apaixonei-me pelo ténis na épica final de Roland Garros 2001 entre Jennifer Capriati e a Kim Clijsters e nunca mais larguei uma modalidade que sempre me pareceu muito especial. O amor pelo jornalismo e pelo ténis foram crescendo lado a lado. Entrei para o Bola Amarela em 2008, ainda antes de ir para a faculdade, e o site nunca mais saiu da minha vida. Trabalhei no Record e desde 2018 pode também ouvir-me a comentar tudo sobre a bolinha amarela na Sport TV. Já tive a honra de fazer a cobertura 'in loco' de três dos quatro Grand Slams (só me falta a Austrália!), do ATP Masters 1000 de Madrid, das Davis Cup Finals, muitas eliminatórias portuguesas na competição e, claro, de 13 (!) edições do Estoril Open. Estou a ficar velho... Email: josemorgado@bolamarela.pt