Tomou-lhe o gosto e agora não quer outra coisa: Nakashima soma mais uma final em Atlanta

Por Pedro Gonçalo Pinto - Julho 31, 2021
nakashima

Brandon Nakashima gostou do que sentiu ao chegar à final em Los Cabos e fez questão de repetir tudo logo uma semana depois. O jovem norte-americano de 19 anos somou mais um bom triunfo e garantiu o acesso ao encontro decisivo no ATP 250 de Atlanta, onde irá à procura do primeiro título da carreira. Para lá chegar, Nakashima evitou que Emil Ruusuvuori fizesse história a nível pessoal, negando uma final inédita ao finlandês, mesmo que tenha sido o nórdico a entrar muito melhor no encontro.

Nakashima fechou com os parciais 3-6, 6-4 e 6-3, mostrando uma excelente capacidade de reação a um primeiro set extremamente desinspirado, no qual enfrentou pontos de break em todos os jogos menos num. A questão é que tudo mudou com uma quebra de serviço madrugadora na segunda partida e Nakashima afinou a máquina no serviço para acelerar de vez rumo à final. Com naturalidade, o 115.º do ranking ATP mostrou-se superior a Ruusuvuori e fugiu com o encontro em menos de duas horas.

https://twitter.com/TennisTV/status/1421577755053985798

Nakashima fica agora à espera do vencedor do embate entre Taylor Fritz John Isner, o cinco vezes campeão de Atlanta, sendo que já tem garantida a entrada no top 100 pela primeira vez na carreira. Nesta altura, o jovem de San Diego tem uma subida projetada para a 89.ª posição, sendo que o título o poderá levar para o top 75.

Pedro Gonçalo Pinto