Tsitsipas vive e respira confiança: «Há muito tempo que não me sentia tão bem»

Por Nuno Chaves - Janeiro 24, 2023

Stefanos Tsitsipas voltou a arrasar e qualificou-se para as meias-finais do Australian Open pela quarta vez na carreira, mantendo-se na luta pelo primeiro Grand Slam da carreira. O grego tem impressionado neste início de temporada e, agora que o céu está mesmo ali ao lado, a motivação cresce a cada dia que passa.

VONTADE EM CHEGAR AO FIM

Tenho muita vontade de defrontar o Khachanov, é estupendo estar de volta às meias-finais. Estou muito contente pela forma como joguei até ao momento. Tenho vontade de mais, de melhorar. Quero viver experiências mágicas aqui na Austrália.

Tsitsipas segue em grande e faz meias-finais no Australian Open pela 4.ª vez na carreira

VIVE E RESPIRA CONFIANÇA

Sinto-me muito bem com o meu ténis, há muito tempo que não me sentia tão bem. Sou um tenista diferente, jogo de forma diferente, a minha mentalidade também é diferente. Quando estou em court não penso em coisas negativas, simplesmente vou e jogo. Sinto-me muito bem. Há uma nova versão do ténis em que estás esgotado depois de cada encontro, em que cada coisa que tentas requer muito esforço. Há outra versão em que fases o teu trabalho mas desfrutas tanto que não importa se é esgotante ou não. Ultimamente dirijo-me mais a isso. Esta dinâmica deixou-me novamente esfomeado e criou-me muita vontade de jogar ténis e de conseguir novas coisas.

RESPEITAR CADA ADVERSÁRIO

Cada rival tem a sua própria história, a sua própria dinâmica. Hoje esqueci-me que o Jiri era da NextGen, nunca pensei nisso. Enfrento cada um dos meus adversários com a mesma mentalidade. Nunca coloco etiquetas. Cada encontro é um novo capítulo do meu livro. Hoje passei por isso. Em certos momentos desaparece porque já és adulto, já não és uma criança. Estes rapazes estão numa etapa de transição. Agora estou concentrado em seguir por aí.

 

Nuno Chaves
Jornalista na TVI; Licenciado em Ciências da Comunicação na UAL; Ténis sempre, mas sempre em primeiro lugar.