Voa, Bia! Haddad Maia não pára de fazer história e bate Pliskova rumo à final de Toronto

Por Pedro Gonçalo Pinto - Agosto 14, 2022

A cada semana que passa, Beatriz Haddad Maia encontra uma nova forma de fazer o povo brasileiro sonhar. E não é que a paulista está na final do WTA 1000 de Toronto? Não é sonho, é mesmo verdade. Bia Maia somou mais uma vitória impressionante e garantiu um lugar na discussão do troféu no Canadá, naquela que é a sua terceira final da temporada, a quarta na carreira e a primeira de uma canarinha num torneio deste nível na HISTÓRIA.

https:\/\/bolamarela.pt//bolamarela.pt//twitter.com/NBOtoronto/status/1558607204172832770

Bia, número 24 do ranking WTA, ultrapassou Karolina Pliskova (14.ª) com os parciais 6-4 e 7-6(7), em pouco mais de duas horas de encontro. Depois de bater Iga Swiatek e Belinda Bencic, a brasileira derrubou também a checa, isto num duelo em que esteve a perder por 5-2 no segundo parcial. Certo é que cerrou os dentes, recuperou e forçou o tie-break, onde deixou escapar um match point a 6-5, salvou um set point e acabou por fechar numa dupla de Pliskova.

Com mais uma página de história a ser escrita no ténis brasileiro, Bia vai agora à procura de conquistar o seu terceiro título da carreira (e do ano), depois de ter vencido na relva de Nottingham e Birmingham. Pela frente terá a romena Simona Halep, contra quem tem uma desvantagem de 1-2 no confronto direto, sendo que bateu a antiga número um do Mundo em Birmingham, este ano.

No que diz respeito ao ranking, Bia Maia garante que vai subir ao 16.º lugar, sendo que um eventual triunfo na final deste domingo a deixa no 14.º posto. Sempre marcas recorde na história do ténis brasileiro na Era Open. No que diz respeito à Race para as WTA Finals, Bia é agora a 11.ª posicionada virtualmente e pode fechar a semana no… oitavo lugar!

Pedro Gonçalo Pinto
Comentador Sport TV e ligado ao Jornal Record. Ténis acima de tudo.