Wawrinka luta e volta a uma meia-final ATP quase três anos depois

Por José Morgado - Setembro 23, 2022
wawrinka

Stan Wawrinka, ex-top 3 mundial, está a mostrar aos 37 anos que a sua carreira está longe de terminada e logo numa semana em que o seu compatriota e grande amigo Roger Federer decidiu pendurar as raquetas aos 41 anos. O suíço, que até passou pela fase prévia, qualificou-se esta sexta-feira para as meias-finais do ATP 250 de Metz, as suas primeiras no circuito principal desde janeiro de 2020, em Doha. Quase três anos!

O suíço, atualmente fora dos 280 primeiros do ranking ATP, derrotou nos quartos-de-final da prova francesa o sueco Mikael Ymer, número 100 da classificação, por 6-4, 4-6 e 7-6(5), numa batalha de quase três horas em que mostrou impressionante disponibilidade física, dando melhor sequência à vitória na véspera diante do russo Daniil Medvedev.

Numa jornada de quartos-de-final animada em Metz, o campeão em título Hubert Hurkacz também venceu. O polaco, segundo cabeça-de-série e número 10 mundial, arrasou em dois sets o último resistente da casa, o francês Arthur Rinderknech, por 6-3 e 6-2.

José Morgado
Jornalista do Jornal Record e Comentador Sport TV. Ténis 24/7.