Wozniacki faz os anos andar para trás e está nos ‘oitavos’ do US Open

Por José Morgado - Setembro 1, 2023

Caroline Wozniacki, ex-número um do Mundo, precisou de apenas três torneios para jogar algum do seu melhor ténis depois de quase quatro anos parada e do nascimento de dois filhos desde 2020. A dinamarquesa de 33 anos, que na segunda ronda já havia alcançado uma grande vitória diante de Petra Kvitova (11.ª WTA), qualificou-se esta sexta-feira para os oitavos-de-final do US Open, prova na qual foi finalista em 2009 e 2014, com mais uma exibição que fez os anos andarem para trás.

A campeã do Australian Open 2018 derrotou na terceira ronda da prova a também regressada após dois anos (mas por lesão) Jennifer Brady, dos Estados Unidos, por 4-6, 6-3 e 6-1, num encontro resolvido em duas horas e em que, a certa altura, chegou a vencer nove jogos consecutivos entre meados do segundo set e a fase decisiva da terceira partida. Wozniacki espera agora pela norte-americana Coco Gauff ou pela belga Elise Mertens no domingo.

Numa boa jornada para as campeãs de Grand Slam, Jelena Ostapenko (21.ª WTA) alcançou uma boa vitória diante da norte-americana Bernarda Pera (73.ª), por 4-6, 6-3 e 6-3. A letã tem encontro marcado com… Iga Swiatek, número 1 do Mundo. Ostapenko comanda o confronto direto diante de Swiatek… por 3-0!

Apaixonei-me pelo ténis na épica final de Roland Garros 2001 entre Jennifer Capriati e a Kim Clijsters e nunca mais larguei uma modalidade que sempre me pareceu muito especial. O amor pelo jornalismo e pelo ténis foram crescendo lado a lado. Entrei para o Bola Amarela em 2008, ainda antes de ir para a faculdade, e o site nunca mais saiu da minha vida. Trabalhei no Record e desde 2018 pode também ouvir-me a comentar tudo sobre a bolinha amarela na Sport TV. Já tive a honra de fazer a cobertura 'in loco' de três dos quatro Grand Slams (só me falta a Austrália!), do ATP Masters 1000 de Madrid, das Davis Cup Finals, muitas eliminatórias portuguesas na competição e, claro, de 13 (!) edições do Estoril Open. Estou a ficar velho... Email: josemorgado@bolamarela.pt